quinta-feira, 13 de abril de 2017

Descoberto alinhamento geológico possivelmente artificial na superfície de Marte !

Um alinhamento geológico fascinante foi descoberto em Marte: Olympus Mons, Povonis Mons, Arsia Mons e Ascreaus Mons formam um triângulo quase que perfeito na superfície marciana.
Um pesquisador de OVNIs revela características na superfície de Marte: Há uma formação geológica, possivelmente artificial, na superfície do planeta vermelho.
Estes vulcões estão localizados na região Tharsis de Marte, e colectivamente são conhecidos como os Montes Tharsis. Eles formam o assim chamado ‘triângulo quadrângulo’.
Curiosamente, os três Montes Tharsis (Povonis Mons, Arsia Mons e Ascreaus Mons) estão espaçados de forma uniforme, a aproximadamente 700 km um do outro, numa linha orientada sudoeste-nordeste. Este alinhamento é improvável de ser coincidente.
Além disso, vários centros vulcânicos menores dos Montes Tharsis estão na extensão da linha. Os três vulcões (mais notavelmente o Arsia Mons) também tem características e fissuras que entraram em colapso, das quais erupções foram emitidas, cruzando-as ao longo da mesma tendência nordeste-sudoeste. A linha claramente representam uma importante característica estrutural do planeta, mas sua origem é incerta.
O Sr. Camacho – que publica no site mundodesconocido.es – explica no vídeo sua longa investigação sobre as características peculiares de Marte e os importantes elementos geológicos na superfície do planeta vermelho que, de acordo com ele, são um dos melhores exemplos de que há mais em Marte do que contaram para nós.
Na verdade, Camacho argumenta em seu vídeo do YouTube (abaixo) que o Olympus Mons – a maior montanha do sistema solar – e três outras montanhas de Marte foram colocadas nas suas posições atuais artificialmente, e poderiam ser o resultado de uma civilização marciana avançada que habitou aquele planeta no passado distante.
Camacho mostra uma fascinante conexão entre Olympus Mons (Monte Olímpio) e três outras características geológicas em Marte, as quais ele argumenta estarem perfeitamente alinhadas.
Além disso, Camacho argumenta que a Agência Espacial dos Estados Unidos (NASA) está ciente destes fatos, porque enviou algumas das missões marcianas para superfície, em áreas onde estas confluências hiperdimensionais ocorrem.
Porém, Camacho argumenta que, além do incrível alinhamento de Olympus Mons, Pavonis Mons, Arsia Mons, e Ascraeus Mons, há outra importante característica na superfície do planeta vermelho que merece a atenção: Alba Mons.
Ele diz que se você traçar um alinha do Olympus Mons em direção a Alba Mons, descobriremos outra complexa conexão.
Parece que a distância entre Olympus Mons, Alba Mons e Ascraeus Mons é praticamente idêntica, e forma outro fascinante triângulo, com ângulos quase idênticos. Além disso, Camacho revela que a distância entre as três montanhas mencionadas acima é de aproximadamente 1.700 quilômetros.
Curiosamente, os vulcões dos Montes Tharsis — Pavonis Mons, Arsia Mons, e Ascraeus Mons— estão dispostos na linha do equador, ao longo da crista de um planalto chamado de região Tharsis. Esta região tem milhares de quilômetros de extensão, e uma média de quase 10 km acima da elevação média do planeta. O Olympus Mons é a maior montanha no sistema solar, localizado a 1.200 km ao noroeste dos Montes Tharsis, na beirada da região Tharsis.


Fonte: http://ovnihoje.com/2017/04/10/alinhamento-geologico-em-marte/




LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...