quarta-feira, 3 de junho de 2015

Bullying na escola leva a depressão nos adultos

Um estudo revela que as vítimas de violência escolar na adolescência têm mais probabilidade de entrar em depressão aos 18 anos.

O trabalho, publicado pelo British Medical Journal, analisou as sequelas das agressões verbais e físicas e concluiu que 29% dos jovens adultos diagnosticados com depressão foram alvo de maus tratos por parte dos companheiros quando tinham 13 anos.
"Observámos uma forte relação entre as vítimas adolescentes e os jovens adultos com este quadro, independentemente de terem sofrido outras agressões na infância ou sofrido de problemas emocionais ou de comportamento", explica o grupo de investigadores, citado pelo "El País", que integra especialistas de várias universidades coimo a de Oxford e a University College, de Londres.
Para esta pesquisa foram ouvidos 3898 participantes, o que a torna numa das maiores sobre o tema no que diz respeito ao universo consultado. Foi perguntado aos adolescentes se, nos seis meses anteriores, tinham sentido ter sido alvo de nove tipos de agressões como roubos, ameaças, chantagens, marginalizados pelo resto dos colegas ou forçados a agir contra a sua vontade.
Quando fizeram 18 anos, os mesmos indivíduos voltaram a ser contactados para se avaliar a sua saúde mental e perceber se apresentavam sintomas depressivos. Dos 683 jovens que foram alvo de bullying (683), 14% tinham um quadro clínico de depressão. Nos que sofreram agressões ocasionais, a taxa foi de 17%. Nos jovens que não tinham sido mal tratados pelos colegas, a taxa de depressão foi de 5,5%.
Os investigadores constataram ainda que 10% dos que sofreram agressões mais intensas sofreram depressões mais prolongadas no tempo, algo que só se verificava em 4% dos jovens que não foram alvo de bullying.

Fonte: http://www.jn.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=4604253
 

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...